Um só bolo para um tríplice aniversário

0
4971
Um só bolo para um tríplice aniversário

No acervo das curiosidades de Paramirim em nenhuma hipótese poderia faltar este exemplar. Uma mãe e duas filhas, todas nascidas em anos diferentes comemoram aniversário no mesmo mês e no mesmo dia. Uma rara coincidência, digna de nota, com probabilidades remotas de voltar  acontecer, o que nos confirma mais uma vez que somos a terra das raridades e dos fenômenos, dentre as muitas que conheço.

Com o rótulo de inusitadas coincidências, sabemos que muitos episódios interessantes podem acontecer. Enumera-los não é tão difícil como se pensa. Exemplos há de sobra. Basta sair pesquisando por aí.

Até acho que sim e nada justifica dizer ao contrário. Adivinhar o sexo de uma criança olhando apenas para o retrato da mãe, encontrar numa multidão uma pessoa que há muito era tida como desaparecida são fatos que se sobrepõem a lógica nem acontecem   pela imposição do destino. Como  explicar a causa  de alguém perder  o avião e se safar de um desastre aéreo.  As incríveis coincidências, queiram ou não,  estão por toda parte. Quando menos se espera eis que una delas salta à  nossa frente e nos deixa sem explicação.

Na esfera  da Matemática, da Astronomia e  da Genética algumas probabilidades se confundem como frutos do acaso. Sabe-se, entretanto, que apesar de raras,  para todas elas há uma razoável explicação. Dizem; por exemplos, que a possibilidade de gêmeos é de 1/90 para cada  parto e de trigêmeos bem maior ainda para cada nascimento. O ano bissexto só ocorre de 4 em 4 janeiros e o Cometa de Halley só aparece a cada  76 anos, mas uma mãe e duas filhas  completarem anos na mesma data só vi até agora em Paramirim. E só  poderia ser aqui porque aqui é a terra do inexplicável, das irreverências, onde tudo pode acontecer num piscar de olhos.

Cientificamente,acho que nenhuma explicação existe para esse fenômeno , nem na esfera da astrologia nem das ciências exatas, nem por hereditariedade  nem por requisitos étnicos, mesmo  sabendo que no Brasil a média de nascimentos é de 96,7 homens para  cada 100  mulheres e que o número de filhos por casal vem diminuindo  a cada ano que passa.

O certo é que na residência do Sr. Manoel Cardoso Bonfim ( mais conhecido por Manoel do Gesso ) comemorou-se  ontem (15) o triplo aniversário de nascimento de três criaturas bem íntimas uma das outras. Três arianas de primeira grandeza  no ciclo de nossas amizades e considerações. Ressaltamos que o  nascimento desse trio na mesma data e talvez no mesmo horário em anos diferentes é sem nenhum exagero mais uma incrível coincidência na vida real. Dona Josilete de 1976, Tatiane de 1998 e a caçula de 2004.Todas nascidas num intervalo total de 28 anos entre a mais velha e a mais nova . Fato que nos remete à soma de 10.248 dias ou seja uma probabilidade, se dividida por 3, de 3.416 para este fenômeno voltar a acontecer no mesmo mês e no mesmo dia. Uma probabilidade e tanto que só se explica, repito, por uma  incrível coincidência.

Por conta disso, ontem não se cantou o  Parabéns para você e sim para vocês. Para você Josilete  como matriarca  e para as meninas suas herdeiras, ambas cheias de vida, plenas de felicidades pelos pais maravilhosos que possuem. Razões que me levam a deixar  registrados  aqui os meus parabéns, desejando-lhes que esta data se reproduza por muitos e muitos anos até que outros 15 de abril venham surgir, por  coincidências ou não, para o natalício  de novas arianas.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui