A inconveniência de sempre

0
2949
Poluição sonora: A inconveniência de sempre

O barulho provocado pelos carros de som tornou-se uma rotina no cotidiano de Paramirim, principalmente, nos finais de semana. Por conta disso, muitos moradores estão mudando para a periferia da cidade em busca do sossego.

O que se passa na cabeça dos propagadores de tal violência, os quais buscam sua autossatisfação sem se preocupar com a perturbação da ordem pública, não sabemos. Talvez confundem comunicação e diversão com poluição sonora. São os donos do pedaço, apesar de constituir uma minoria na sociedade.

A verdade é que entra ano e sai ano sem perspectiva de melhora. As geringonças sonoras estão cada vez mais sofisticadas e consequentemente mais intoleráveis pela discrepância que provocam aos ouvidos daqueles que estão no trabalho ou no descanso do lar. Enquanto isso, a “Terra da Boa Gente” vai ficando menos acolhedora. Seus moradores estão reféns da prepotência premeditada e inconsequente dos comandantes da comunicação volante e do lazer coletivo.

Dessa forma, em nome da tranquilidade pública e da ordem social, características, das sociedades civilizadas e bem gerenciadas, coloco na relação das providências a serem tomadas urgentemente pelos poderes públicos competente o controle sistemático desse absurdo, sob pena de continuarmos com a inconveniência de sempre numa cidade que se diz tão desenvolvida.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui