Água do Zabumbão

0
4003
Água da Barragem do Zabumbão de Paramirim
Barragem do Zabumbão – Paramirim

Uma grande mobilização popular está sendo articulada em Paramirim no sentido de impedir a execução do projeto do Governo do Estado para levar água da Barragem do Zabumbão a vários municípios circunvizinhos.

O ponta-pé inicial desse movimento foi dado ontem, 08 de dezembro, através de uma reunião realizada na Câmara de Vereadores com a participação de representantes da sociedade local convocados por Dr. Jurandi Martins Leão, Diretor do Hospital José Américo Rezende.

Na sua fala Dr. Jurandi expôs os motivos da convocação realizada através de carro de som, salientando a necessidade da população se conscientizar do grave problema que poderá acontecer se o reservatório de água do Zabumbão for mais uma vez fatiado com novas adutoras de grande porte para abastecimento de outras cidades. Acrescentou que a luta dos paramirinhenses para conseguir os benefícios da barragem foi secular e a oportunidade de ver implantado no município o sonhado projeto de irrigação pode se esvair com a retaliação da água para outros fins.

Também usaram da palavra o Presidente da Câmara João Teixeira Ramos, o advogado Luiz Caíres Magalhães, os empresários Antônio Jorge de Oliveira e Antônio Silva Gonçalves, os vereadores Jová Salvador Silva Leão, Osório dos Anjos Oliveira e Orlando Flor e Silva hipotecando apoio ao movimento que na opinião do professor Domingos Belarmino da Silva tem que partir de forma ordeira e pacífica envolvendo todos os segmentos juridicamente organizados da sociedade.

A grande polêmica gerada em torno do assunto teve início em janeiro de 2002 face à autorização do Governador César Borges para o abastecimento das cidades de Botuporã e Caturama com a água da Barragem do Zabumbão localizada no rio Paramirim. Agora, as discussões tomam novo impulso com o Edital publicado pelo Governador Jaques Wagner abrindo concorrência pública para “Elaboração de projeto executivo da 1ª etapa do sistema de suprimento de água potável, a partir da Barragem de Zabumbão, município de Paramirim – BA, objetivando: ampliação da oferta de água para atendimento aos sistemas existentes ou a serem implantados, contemplando as sedes municipais de Boquira, Macaúbas, Ibipitanga, Rio do Pires e diversas outras localidades, urbanas e rurais, pertencentes aos referidos municípios além do município de Caturama e sistema integrado de abastecimento de água para as localidades de Mocambo e Sussuarana, município de Ibitiara e Covas da Mandioca, Pitucy, Queimada Nova, Lagoa da Pedra e Morrinhos no Município de Ibipitanga, no Estado da Bahia.”

Pela amostragem colhida nesta primeira reunião e as propostas de resistência ao referido projeto, manifestadas pelos presentes, deduz-se que teremos pela frente grandes discussões e um saboroso prato para degustação da imprensa regional. Caso contrário, veremos mais uma vez a festa terminar em pizza, como em outras ocasiões. Está na hora de Paramirim mostrar se realmente possui cacife para bancar esse “ jogo ” de interesses: social para uns, político para outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui